Arquivo da Categoria ‘Mangue Seco’

Viagem a Mangue Seco

Mangue Seco:
Mangue Seco – A 1,5 km do povoado, os 30 km de praias semidesertas têm areia branca e solta, ondas fortes, restingas, manguezais e fazendas de coqueiros. Dunas em constante movimento tomam os coqueirais e ameaçam as construções do vilarejo. Passou a ser conhecida nacionalmente, depois de ter suas belezas divulgadas pela telenovela “Tieta”.

Compartilhe no:
  • Orkut

Mangue Seco

Mangue Seco.
Em uma paisagem quase deserta, se alternam dunas, restingas, mangue e fazendas de coqueiros. São 30 km de praia que podem ser conhecidos de bugue e barco. Os guias locais, que chegam a assediar os visitantes, oferecem vários pacotes de passeios, com preços negociáveis. O prato típico da região é a moqueca de aratu, crustáceo farto nos manguezais.
Coqueiro – Pequenas dunas de areia fina e branca e coqueiros. Robalos, cações e arraias habitam as águas de tons azuis claros. Acesso por bugue.
Costa Azul – Tem as mesmas características de Coqueiro. Entre essas duas praias aparece, na maré baixa, o navio Baependi, naufragado durante a 2a Guerra. Acesso por bugue.

Compartilhe no:
  • Orkut

Praia mangue seco

Praia mangue seco

Praia mangue seco
Acesso: De carro, seguindo 180 km pela Linha Verde. A praia fica quase na divisa da Bahia com Sergipe.
Temperatura: De 21 °C
(mínima, em agosto) a 30 °C (máxima, em fevereiro)
Dias de sol por ano: 103
Melhor época: De outubro a junho
Esportes: Esqui na areia

Compartilhe no:
  • Orkut

Mangue Seco

Mangue Seco

Mangue Seco
Mangue Seco (BA)…..
A beleza do local está no conjunto formado pelo mar, coqueirais, a pequena vila de pescadores e as imensas dunas, em constante movimento pela ação do vento. A região tem 30 km de praias intocadas. Para chegar à vila só com barco ou, na maré baixa, com veículos de tração nas 4 rodas.

Compartilhe no:
  • Orkut